Acaso

Ah, o acaso. Algumas vezes nos traz boas surpesas outras vezes, nem tanto.

Imagine que ao sair da fisioterapia, a caminho da estação do metrô, dei de cara com um cidadão com o qual fui num date uma vez.

Faz mais de um ano isso. Lembro que combinamos de nos encontrar no parque Frederiksberg. Ele trouxe seu cachorrinho para passear. Até então só tínhamos trocado umas mensagens pelo site de paquera.

Assim que ele chegou no parque, deu uma olhada em mim – e eu tinha me arrumado, até passado batom – e ele diz: tenho que ir embora me 5 minutos.

O date com esse cara me fez desistir de date, paquera, Tinder e o escambal.

Com tanta gente nesse mundo, nunca achei que encontraria esse homem novamente. Mas ele estava no meio do caminho, com aquele cachorrinho. Ele nem me reconheceu. Mas eu jamais vou esquecer aquele dia.

Esta entrada foi publicada em Desabafos. ligação permanente.

5 Responses to Acaso

  1. Gabriela Sakuno diz:

    Ê lasqueira. Olha, eu aqui em Portugal já conheci uns 4 ou 5 dinamarqueses e TODOS eles foram os piores/mais sem graça dates que já tive. Um fedia. fumava e tinha os dentes nojentos, outro tinha o negocinho igual um shimeji e cheio de esquisitices, o outro foi um puta macho escroto, o outro queria jantar de graça as minhas custas, etc. Só treta! Já sai com caras de vários países e os dinamarqueses são de longe, os piores que já encontrei, não dou mais chance pra dinamarqueses.

  2. Cris diz:

    Concordo. Não perca tempo com os dina. E eles são os no sexo também. Não recomendo.
    No entanto ouvi dizer que os suecos podem ser interessantes. Ainda não encontrei nenhum que me interessasse, mas nunca se sabe…
    Por enquanto, na lista dos melhores: búlgaros e brasileiros.

  3. Gabriela Sakuno diz:

    Na minha experiência, os suécos vêm em seguida dos dinamarqueses no quesito piores pra dates. O mais fedido de todos era suéco, parece que não tomam banho e não escovam os dentes por lá, uns 5 que conheci tinham mau hálito, e são muito sem tempero na personalidade, conversas, atitudes. Não recomendo! Agora os noruegueses, minha amiga… são meu calcanhar de Áquiles. Quando eu for lá eu volto casada, certeza! Tu tá tão perto, dá uma investida pra ver o feedback, quem sabe? Os de Oslo são metidos mas talvez tenha algum de Stavanger, *Trondheim*, Bergen trabalhando por lá. Tenta!

    • Cris diz:

      Puxa vida, sério? Que tristeza isso.
      Por outro lado, eu sei exatamente qual é o problema. Em vários países (França, Alemanha e países escandinavos), a cultura é tomar banho de manhã e não se toma mais banho. Enquanto no Brasil a gente sempre toma banho e se arruma antes de algum encontro, jantar, quando vai sair. Eles aqui não pensam assim. Se estão suados e fedidos do dia, não tomam outro banho para ir na festa de noite.
      Perdi a conta, nos festivais de forró, o quanto tivemos que escrever panfletos ensinando sobre higiene pessoal.

      Escovar os dentes a mesma coisa. Tomei um susto quando aprendi que aqui eles só escovam duas vezes: de manhã e antes de ir dormir.
      Uma vez me perguntaram se eu tinha alguma doença nos dentes, porque me viram escovando após o almoço!

  4. Cabeça Disneyssauro diz:

    hum

Responder a Cris Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado.