Mudos

A cantina da empresa está sob reforma. Tenho a impressão de que essa cantina tá sempre em reforma. Ano passado reformaram a cozinha, esse ano, estão trocando o telhado.

Durante os meses de reforma, ninguém entra na cantina. Servem a comida em barraquinhas, como as barraquinhas de cachorro quente ou de hamburger que se vê por aí. Meses e meses comendo comida desse tipo, porque eles só servem coisas que podem ser facilmente distribuídas em potinhos de papelão.

Ontem fui lá pegar um típico “fish and chips” – bom, meio-típico, porque o típico peixe frito com batatinha frita que se come na Inglaterra é normalmente servido embalado numa folha de jornal – o que eu acho bem pouco sanitário. Aqui veio numa caixinha de papelão.

Me sentei numa mesa grande no jardim, onde já estavam dois ou três funcionários comendo. Sentados juntos. Lado a lado. Mudos.

O povo daqui é estranho. Se eles não te conhecem, não puxam papo. E acham mal-educado se alguém desconhecido puxar papo e “interferir” na sua paz e tranquilidade.

É por isso que é tão difícil fazer novas amizades aqui. Se não se fala com estranhos, como conhecer gente nova?

Esta entrada foi publicada em Coisas da Dinamarca. ligação permanente.

5 Responses to Mudos

  1. Seu Madruga diz:

    Uhuuuu, na próxima vez tira foto desse peixe frito, nunca vi uma empresa dar peixe frito com batata frita, não tem um arroz, feijão, salada, ovo frito.
    Aqui na empresa vinha muita comida boa, várias misturas, aumentou contrato de estagiários (são os primeiros a devorar as delícias) e sobrava omente arroz e feijão para os funcionários registrados, o BO$$ teve uma brilhante idéia, agora só vem arroz, feijão e frango a milanesa. kkkkk

  2. Seu Madruga diz:

    Eu tenho muita dificuldade em conversar com estranhos, não me sentaria nem perto de alguém para almoçar, kkkkk, no almoço prefiro ficar sozinho, aqui na empresa ficam puxando ranho, mastigando com boca aberta, etc…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.