Sem resposta

Novo chefão no meu trabalho. Parece que todos os chefes estão zarpando e entrando gente nova o tempo todo.

Reunidos para o discurso de boas-vindas do homem, um pessoal ao meu lado estava conversando animadamente, e eu só ouvindo.

O cara pergunta: vocês moram em apartamento?

Olha, se alguém me perguntasse “você mora em apartamento”, em menos de um segundo eu responderia: “sim eu moro” ou “moro, sim”, e talvez eu prolongaria a resposta dizendo “faz dois anos”. Não importa. Para esse tipo de pergunta, qualquer das minhas respostas incluiria a palavra “sim” ou a palavra “não” e eu não precisaria pensar para responder uma pergunta simples dessas.

Mas ao escutar a resposta da menina, eu comecei a pensar se tem alguma coisa errada comigo.

Ela demorou uns 4 a 5 segundos pensando antes de responder. Pra mim, aquela pausa foi uma eternidade. E a resposta dela começou assim: Ano passado nós nos mudamos do bairro Osterbro…

E foi aí que ela me perdeu. Um turbilhão de pensamentos começou a girar na minha cabeça, desde “Precisa mesmo pensar por 5 segundos para responder essa pergunta?” “Meu, ninguém te perguntou de onde você se mudou, vai contar a vida toda agora?” “Gente, tem algo errado comigo pois eu responderia essa pergunta na bucha?”…

Enfim… pensei tanto que não descobri se afinal elas moram em apartamento ou não.

This entry was posted in Cá entre nós. Bookmark the permalink.

2 Responses to Sem resposta

  1. Hoje vou detonar um ovo cozido says:

    Tem muito que aprender com os dinamarqueses hein, pura estratégia usada na época vikings, um estudo na Universidade de Delhi na Índia, quando tem essa pousa o cérebro da invasora (nesse caso você) entra num transe por causa do desapontamento de não ter a resposta imediata, ela invade a parte de besteiras do cérebro e começa a fantasia, aí a imaginação vai longe, é reportado no caso cronica da escritora J. K. Rowling, por isso que ela viaja tanto na maionese, hhehehehe.

    kkkkkkkkk, fica escutando conversa dos outros, hehehehe que feio

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *