Grécia – Aventura 2 – Kalamata

Quem gosta de azeitona conhece o nome Kalamata!

Bacana a cidade, pena que não tive muito tempo para explorar. A prioridade foi participar do festival de forró e fazer esportes aquáticos naquela água azul e quentinha.

Quando vi que de manhã não tem vento e a água é bem calminha, resolvi fazer stand up paddle (SUP).

Eu fiz pela primeira vez três meses atrás em Portugal, mas a água lá tem muita onda alta. Foi impossível ficar de pé na prancha. Mas em Kalamata, fiquei de pé e não caí nenhuma vez. Evolução! rsrs

Mas a aventura da vez não foi SUP, mas ski aquático.

Eu nunca tinha pensado em fazer esse esporte, mas quando vi um vídeo de um amigo, que coincidentemente mora em Kalamata, fazendo ski, eu fiquei curiosa.

Depois de dançar a noite toda e dormir muito pouco, lá vou eu 8 da manhã para a praia receber as instruções. Meu amigo veio junto, mas ele não tinha dormido nada e ainda estava de ressaca de tanto beber no festival. Mesmo assim, fomos fazer ski.

Eu ouvi dizer que pode ser um pouco difícil na primeira vez, mas eu consegui ficar de pé na barra já na primeira tentativa. Aí o instrutor me colocou para fazer ski com a corda, atrás do barco. Aí o buraco foi mais embaixo. Eu perdia o equilíbrio muito fácil e fiquei cansada super rápido. Dói o braço, as pernas, dói tudo. Tem que estar em ótima forma física para aguentar o tranco.

A sessão era para ser de 15 minutos. Eu achava que seria pouco. Mas depois de 10 minutos eu pedi para o instrutor parar, porque meu braço já não aguentava mais.

Em seguida foi a vez do meu amigo e aí pude ver como é esquiar na água. Achei muito legal.

Resolvi então voltar hoje para fazer mais uma sessão de 15 minutos. O instrutor me colocou na corda já de cara. Nas duas primeiras tentativas perdi o equilíbrio em menos de 30 segundos, mas então, para minha surpresa, na terceira tentativa, eu fiquei de pé por muitos minutos.

Então o instrutor começou a me ensinar como fazer para o ski se mover de um lado para o outro do barco, fez algumas manobras e tentei sair da área das ondas, mas aí não tive mais força no braço e pernas e tive que pedir para ele parar.

Eu acho que a sessão de hoje durou mais de 15 minutos e eu consegui fazer bastante coisa. Não sei se foi sorte de principiante ou se levo jeito. Só sei que gostei e vou procurar saber mais sobre esse esporte. Quem sabe eu tenha encontrado um novo hobbie!

Mas tem que ser em água quentinha. Fazer isso na Dinamarca naquela água gelada, nem que me paguem!

This entry was posted in Cá entre nós, Viagens. Bookmark the permalink.

3 Responses to Grécia – Aventura 2 – Kalamata

  1. Cabeça Disneyssauro says:

    Novo hobbie??? 😮
    isso quer dizer que vai todo fim de semana para Kalamata?, hehehehe
    Nunca ouvi falar das azeitonas Kalamata só das Azeitonas do Mercadinho, hehehehe
    O ruim disso tudo que vc não faz vídeos, hehehe ia ser bacana ver os tombos

    • Cristiane says:

      Olha, se Kalamata fosse mais pertinho, até rolava de ir todo fim de semana. hahaha.
      Azeitona de mercadinho é bom demais!

      Encontrei uma pessoa aqui na Grécia cuja melhor amiga mora em Paranaguá. Aparentemente eles têm um costelão na cidade. Você conhece algum costelao?

      • Cabeça Disneyssauro says:

        Costelão? que saiba não tem , o que mais tem nessa cidade é churrascaria, que não valem 1 real, nem os caminhoneiros comem nessas churrascaria hehehe, brincando+

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *