Vigiada

Ontem de noite, após voltar do show do Tom Jones no parque Tívoli, aconteceu algo intrigante.

Meu humor estava meio abalado. Apesar do dia lindo, não dava para abrir as janelas aqui em casa, pois a prefeitura resolveu trocar o asfalto da rua. Um pó fininho chato subia até meu apartamento.

Resolvi então caminhar os 4 km até o parque, para espairecer.

Chegando na entrada do Tívoli, achei estranho a quantidade de gente nas filas. Normalmente eu não me dou bem com lugares super cheios. Não me sinto claustrofóbica, mas me dá uma irritação e agonia. Nem sem explicar. Porém ontem o parque estava tão superlotado, que eu estava me sentindo presa e sem paciência para nada. Só de olhar a fila quilométrica do banheiro feminino, aquilo já me dava vontade de voltar para casa.

Tom Jones ainda está com a bola toda para atrair tanta gente para esse show. Detalhe, a plateia toda tinha cabelo grisalho e muitos tinham problema para se locomover. Pela primeira vez eu vi, montado no centro do parque, uma tenda com enfermeira para emergências. Achei interessante.

Bom, foi uma experiência. Só consegui aguentar ficar ali no meio da multidão por 20 minutos, mas isso foi suficiente para ouvir as minhas duas músicas preferidas. Eu estava saindo do parque enquanto Tom cantava Sex Bomb.

Aluguei uma bike e voltei pra casa.

Sentada no sofá pensando na morte da bezerra… ou melhor, pensando no que fazer, se ia ler, dormir, ver um filme, reparo um troço de luz vermelha sobrevoando o janelão da minha sacada. Era um drone.

Fiquei intrigada.

E ele passou bem devagar… realmente observando ou tirando fotos, sei lá. E era o meu apartamento que ele vigiava, porque aqui nesse cantinho do quinto andar só tem o meu apartamento.

Foi aí que bateu uma preocupação.

E eu seu estivesse zanzando peladona pela casa? Minhas fotos iam parar na internet?

Ou será algo pior? Será que agora os ladrões estão tão avançados que primeiro enviam drones para ver se tem algo interessante para roubar nos apartamentos antes de invadir?

Pode ser que todos esses pensamentos sejam doideiras de uma mente brasileira, onde a gente vê cada coisa no dia-a-dia, que acabamos sempre pensando e esperando o pior. Pode ser que não seja nada disso, que seja somente alguém testando o seu novo equipamento. Mesmo assim, fico pensando, será que novamente devo chamar a polícia?

Meu, viver nesse apartamento é aventura. Desde que me mudei pra cá há dois anos, já tive 3 encontros com a polícia. Será que terei que acioná-los novamente? Não para fazer registro de nada, mas para alertá-los que isso está acontecendo.

Você pode achar bobeira isso, mas a polícia aqui faz umas coisas meio estranhas. Por exemplo, na última vez que eles bateram na minha porta, foi porque tinha um cachorro perdido dentro do prédio! Se a polícia vem salvar um cachorro, então também deve vir para matar um drone invadindo a privacidade alheia.

This entry was posted in Cá entre nós. Bookmark the permalink.

5 Responses to Vigiada

  1. Cabeça Disneyssauro says:

    Caminhei 4 km para ver um show do Tom Jones e por causa do pó, oooh loco meu), hehehe, uma vez fui num show e tinha uma tenda (gigante) enfermaria com enfermeiras e médico, hehehe foi bacana.
    – Sobre o Drone, é preocupante sim, as vezes assisto uns vídeos de um senhor do RJ que faz vídeos com o drone (ele coloca um óculos igual aqueles VR de PS4, onde ele ve tudo e filma. não se pode mais relaxar na própria casa, mas fazer o que, mas tem que chamar a polícia, (invasão de privacidade) na próxima joga bexiga com água, hehehe ou um pano molhado, hehehe
    na proxima faz um vídeo do drone maldito

    • Cris says:

      Invasão de privacidade, você falou tudo. Eu postei essa mensagem no facebook e foi o que o povo me falou. Acabei que telefonei para a polícia e eles disseram que se acontecer novamente, que é para telefonar para eles imediatamente, enquanto o drone está voando, que eles vão mandar uma viatura e apreender o equipamento.

      Depois desse episódio, eu parei de andar peladona dentro de casa. hahhahahah

    • Cris says:

      Ué, não deixou comentário pro post chamado Peregrinação? Achei que aquela história dos peixes ia ser assunto para comentário! rsrsr

  2. Cabeça Disneyssauro says:

    Ainda não cheguei lá, hehehe, tento deixar algo para trás, já que vc demora para postar, pelo menos tenho algo perdido pra ler, hehehe
    Pra falar a verdade não consigo ter muito tempo aqui no trampo, as vezes quando dá uma folga consigo entrar no blog.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *